Informe Chapada

Informe Chapada


Resultado da busca pelo arquivo de "04/2016"

Termina hoje o prazo para entregar a declaração do Imposto de Renda 2016

29.04.2016

O prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) 2016, ano-base 2015, termina hoje, sexta-feira, dia 29/04. O Fisco espera receber 28 milhões e 500 mil declarações, mas até o dia 25/4, uma semana para a data-limite, apenas 16,8 milhões haviam sido entregues.

Para quem ainda não fez a declaração, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) recomenda atenção. É importante manter a tranquilidade para preencher os formulários, pois muitas inconsistências vêm de erros de digitação.

Além disso, é importante reunir todos os documentos necessários para a declaração, como informes de rendimentos, comprovantes de serviços médicos, odontológicos e plano de saúde, notas fiscais ou recibos que comprovem despesas com educação do contribuinte e dependentes legais, contribuição previdenciária para empregados domésticos, comprovantes de pagamento de aluguel, entre outros.

É preciso conferir se os CPFs dos prestadores de serviços estão informados corretamente, bem como, os valores pagos. A Receita fica muito atenta a todas as deduções, e hoje os mecanismos de cruzamento de dados estão cada vez mais eficientes.

Para quem não conseguir reunir todas as informações no prazo, o melhor é entregar, ainda que com algumas inconsistências, e fazer retificação.

Se a declaração for enviada à 0h de 30 de abril, já é considerado atraso, e o contribuinte terá de pagar multa de 1% do imposto devido ao mês. O valor mínimo é de R$ 165,74, e o máximo é de 20% do imposto devido.

Se deixar para a última hora, há risco de a página da Receita congestionar e não conseguir entregar o documento.

Um ganhador leva sozinho os R$ 90 milhões do concurso 1810 da Mega-Sena

20.04.2016

Loterias

Uma aposta de Cabrobó (PE) ganhou o prêmio do concurso 1810  da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (20/04),  no Caminhão da Sorte da Caixa, em Umuarama (PR).O sortudo levará para a casa um  prêmio de R$ 92,3 milhões. O próximo concurso será realizado no sábado, dia 23, e sorteará R$ 2,5 milhões.

Os números sorteados hoje foram: 01 - 10 - 25 - 43 - 50 - 56.

A quina teve 266 acertadores, que vão receber cada um o prêmio de R$ 22.369,76. Já a quadra teve 14.324 apostas vencedoras. Cada um desses sortudos irá receber R$ 593,44.

Os sorteios da Mega-Sena são promovidos pela Caixa Econômica Federal duas vezes por semana, às quarta-feiras e aos sábados. A aposta mínima, de seis números, custa R$ 3,50. Quem quiser participar pode comprar seu bilhete até às 19h do dia do sorteio (no horário de Brasília), em qualquer lotérica do Brasil.

STF adia julgamento da validade da posse de Lula na Casa Civil

20.04.2016

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (20) adiar o julgamento sobre a validade da nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ocupar o cargo de ministro-chefe da Casa Civil, suspensa no mês passado, por meio de uma liminar proferida pelo ministro Gilmar Mendes.

Há pouco, no início da sessão em que os recursos seriam julgados, os ministros decidiram adiar a análise para julgar em conjunto outras duas ações que chegaram à Corte, e que também questionam a decisão de Mendes. As novas ações são de relatoria de outro ministro, Teori Zavascki, que pediu mais tempo para analisá-las.

O Supremo julgaria nesta tarde recursos protocolados pela defesa do ex-presidente e a Advocacia-Geral da União (AGU) contra a decisão do ministro Gilmar Mendes, que no dia 18 de março, atendeu a dois mandados de segurança protocolados pelo PSDB e pelo PPS  e suspendeu a nomeação de Lula, por entender que o ato administrativo da Dilma teve objetivo de objetivo de retirar a competência do juiz federal Sérgio Moro - responsável pelos processos da Operação Lava Jato - para julgá-lo e passar a tarefa ao Supremo, instância que julga ministros de Estado.

Temer sorri ao acompanhar votação do impeachment pela TV

17.04.2016

O vice-presidente Michel Temer acompanha com satisfação o andamento da votação do impeachment na Câmara.

As fotos abaixo foram tiradas há pouco por aliados que o visitaram no Palácio do Jaburu.

Aliados cotados para integrar o chamado núcleo duro de seu governo acompanham a votação ao lado de Michel Temer.

Estão com o peemedebista, Eliseu Padilha, ex-ministro da Aviação Civil que deixou o governo assim que o impeachment foi aberto; Henrique Alves, que se demitiu do Ministério do Turismo quando o PMDB rompeu com o governo; o presidente do partido, senador Romero Jucá; além de Rodrigo Rocha Loures, braço direito do vice na articulação com o Congresso.

Aumenta o número de deputados que trocaram de partido.

15.04.2016

Política

Desde o início do ano, 99 deputados federais já trocaram de partido, o equivalente a cerca de 19 por cento dos 513 integrantes da Câmara.

É o maior troca-troca desde 2003, primeiro ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, que contabilizou 107 mudanças de legenda.

O número também supera o registrado em 2005, quando 95 parlamentares trocaram de partido por causa do escândalo do mensalão.

Os dados são de levantamento da BBC Brasil, que aponta as próximas eleições municipais como principal motivo.

Muitos deputados resolveram mudar de partido em busca de melhores condições para disputar o cargo de prefeito em municípios de seu Estado.

Outro fator que contribuiu para o aumento da infidelidade partidária nos últimos meses foi a crise política.

Depressão e ansiedade custam U$$ 1 trilhão por ano

15.04.2016

Saúde

Um trilhão de dólares. Esse é o custo da depressão e da ansiedade para a economia mundial anualmente. É o que revela um estudo da Organização Mundial da Saúde e do Banco Mundial.

O levantamento calcula além do prejuízo financeiro os benefícios econômicos com o tratamento da saúde mental. Segundo o relatório, a depressão e a ansiedade geram por ano um custo equivalente a três trilhões e meio de reais.

Por outro lado, a análise destaca que para cada um dólar investido nos pacientes com esses transtornos, o retorno é de quatro dólares. Isso porque, com o tratamento adequado, as pessoas que sofrem de ansiedade e depressão poderiam trabalhar normalmente. O estudo alerta que entre 1990 e 2013 a população que apresenta esses transtornos subiu perto de 50%

Abusos em planos de internet será monitorada pelo governo

14.04.2016

O Ministério das Comunicações (MC) encaminhou nesta quinta-feira (14) um ofício à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) solicitando que o órgão regulador adote medidas para que as operadoras de telefonia respeitem os direitos dos consumidores de banda larga fixa e cumpram os contratos vigentes. No documento, o ministro das Comunicações, André Figueiredo, diz que acompanha com preocupação as notícias de que essas empresas iriam acabar com os planos ilimitados e passar a definir quantitativos máximos nos pacotes das conexões fixas, como já ocorre na telefonia móvel.

De acordo com o Portal Brasil, o ministro diz, que o MC segue realizando diversas ações para ampliar o acesso da população brasileira à internet de alta velocidade, com destaque para o Brasil Inteligente, que substituirá o Programa Nacional de Banda Larga (PNBL). Para André Figueiredo, a rede mundial de computadores é uma ferramenta essencial para contribuir com a inclusão social e o desenvolvimento econômico do País.

Setor agrícola pede retirada de imposto na importação de milho no país

13.04.2016

A agricultura quer retirada do imposto de 10% na importação de milho no Brasil. A proposta de isenção do imposto, ainda terá que ser analisada pela Câmara de Comércio Exterior.

Se aprovada, deverá ter validade de seis a oito meses, prazo suficiente para equilibrar o mercado, segundo a ministra da Agricultura, Kátia Abreu. Segundo o Governo Federal, a necessidade de importação do produto, é justificada pelo crescimento das exportações do grão por produtores brasileiros, motivado pelo alto valor do dólar.

Os produtos vindos do MERCOSUL já são isentos de impostos. Com isso, a medida estimularia a compra do grão produzido em outros mercados parceiros, como os Estados Unidos, por exemplo. De acordo com dados oficiais do setor, em 2015, o Brasil importou 272 mil toneladas do grão norte-americano, equivalente a 207 mil dólares.

Salário mínimo deveria ter sido de cerca de R$ 3.700 em março, calcula Dieese

12.04.2016

O salário mínimo em março deveria ser quatro vezes maior para atender as necessidades básicas do trabalhador.

É o que calcula o departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos.

O ideal, para o sustento de uma família com quatro pessoas, era que o salário mínimo tivesse chegado a 3.736 reais e vinte e seis centavos.

Todo mês o Dieese divulga uma estimativa do valor que o brasileiro precisa para bancar gastos com moradia, educação, alimentação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social.

O cálculo é feito com base na cesta básica mais cara entre as 27 capitais. Em março a mais alta foi a de Brasília, que custou 444 reais.

Custo de vida do brasileiro deve crescer 7,14%, neste ano

12.04.2016

O custo de vida do brasileiro deve fechar 2016 nada menos que 7.14 por cento maior.

Foi o que disseram os economistas ouvidos pelo Banco Central na última edição do boletim Focus, que reúne a opinião das principais instituições financeiras do País.

O número é pouca coisa menor que o divulgado na semana anterior. Mas, ainda assim, estoura bastante a meta de inflação definida pelo governo, que defende um índice de quatro e meio, mas considera aceitável até seis e meio por cento ao ano.

Somados o aumento do custo de vida em 2015 e a previsão para 2016, a alta será de cerca de 18 por cento. E quem precisava de 400 reais pra fazer a compra do mês, por exemplo, terá que gastar 72 reais a mais para levar os mesmos itens.

Sobre a economia do País, a projeção piorou pela décima segunda semana seguida.

E com o desemprego e os brasileiros consumindo menos, o PIB deste ano vai encolher 3.77 por cento.

Senado libera R$ 490,5 milhões extras para a Rio-2016

11.04.2016

Senado aprovou a liberação de mais 490 milhões de reais para a organização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos da Rio-2016.

Com 300 milhões de reais, o Ministério da Justiça é quem vai receber a maior parcela dos recursos, que serão usados na aquisição de equipamentos, soluções de informática e contratação de serviços para aumentar a atuação da Força Nacional de Segurança Pública.

Os Ministérios da Defesa, Cultura e Turismo também foram contemplados.

A Medida Provisória aprovada ainda prevê 382 milhões de reais para atendimento às vítimas de desastres e 600 milhões para o Novo Banco de Desenvolvimento.

O orçamento total da Olimpíada está acima dos 7 bilhões de reais.contaminadas pelo vírus.

Para OMS, programas de combate ao aedes aegyoti entraram em colapso

11.04.2016

A diretora-geral da Organização Mundial da Saúde, Margaret Chan, disse que a crise do zika vírus está ligada à pobreza e falta de investimentos dos governos. Segundo ela, a situação sobre o vírus mostra um novo pacote de vulnerabilidades ligado ao desenvolvimento inadequado da saúde.

Para a diretora-geral da OMS, junto a um acesso ruim aos serviços de saúde sexual e reprodutivo, a falta de água encanada e saneamento em favelas urbanas, ainda há o colapso global dos programas de controle do mosquito.

Dados da Organização revelam que casos de zika já foram identificados em 62 países desde 2007. Em seis países, a OMS identificou suspeita de microcefalia em bebês com mães que foram contaminadas pelo vírus.

Por hora, 282 pessoas ficam desempregadas no país

09.04.2016

O Brasil dos desempregados já tem quase a mesma população de Portugal: beira os 10 milhões de habitantes. Por hora, 282 brasileiros passam a fazer parte desse contingente, segundo cálculos do economista Alexandre Cabral.

A estimativa é de que, até o fim do ano, serão 12 milhões de histórias como essas no país. Vai ser cada vez mais difícil não conhecer alguém que esteja desempregado. E, para quem já está sem emprego, a dificuldade será encontrar portas onde bater.

"Isso é muito grave, porque com exceção da agricultura, não há mais nenhum setor livre do fantasma do desemprego", diz o economista José Roberto Mendonça de Barros, sócio da MB Associados.

A nova onda de retração no mercado de trabalho ficou evidente a partir do segundo semestre do ano passado, quando os setores de comércio e serviços - grandes empregadores de mão de obra - começaram a demitir com mais força. A piora se somou aos desligamentos na construção civil e na indústria, em crise há mais tempo. 

Bahia tem a quarta menor porcentagem de eleitores com cadastramento biométrico

09.04.2016

A Bahia tem pouco mais de 1 milhão de eleitores que já realizaram o cadastramento biométrico.

Segundo dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o estado possui a quarta menor porcentagem de pessoas aptas a votar pelo novo sistema entre as unidades da federação, com 10,6%. A Bahia fica à frente apenas de Rio de Janeiro (5,8%), Minas Gerais (7,7%) e Mato Grosso do Sul (9,1%).

Em números absolutos, a Bahia já realizou o cadastramento de 1.092.170 pessoas. A biometria será obrigatória para todos os eleitores apenas nas eleições de 2018. Em todo país, 43,2 milhões de brasileiros têm as impressões digitais cadastradas, número que representa cerca de 30% do eleitorado. Sergipe, Distrito Federal e Amapá são as unidades da federação com maior porcentagem de eleitores aptos a votar pelo novo sistema, com 99,8%.

Na sequência vem Alagoas, com 99,6%, e o quinto colocado, Rio Grande do Norte, aparece bem depois, com 69,8%. Segundo o TSE, a disparidade acontece porque cada tribunal regional tem seu próprio cronograma e o repasse do dinheiro para as unidades acontece segundo a necessidade de cada TRE. 

Atropelamentos matam 475 milhões de animais por ano

09.04.2016

Meio Ambiente

De acordo com relatório divulgado no início desse ano pelo Ministério do Meio Ambiente, o país tem atualmente uma lista com 1.173 espécies animais em risco de extinção. Porém, um número ainda mais assustador do que esse é a quantidade de animais silvestres que morrem por atropelamento nas rodovias de Norte a Sul do Brasil. São cerca de 475 milhões de mortes de animais, por ano, segundo o Centro Brasileiro de Estudos em Ecologia de Estradas (CBEE). Média de um óbito a cada 15 segundos.

A expansão desenfreada das cidades e, consequentemente, a diminuição das florestas naturais, é a principal causa desse problema. As rotas, normalmente utilizadas, acabam sendo interrompidas e, em busca de alimentos, muitos animais acabam indo para além de seu habitat natural, chegam às áreas urbanas e se submetem a esse e outros riscos.

Os pequenos vertebrados, como sapos, cobras e aves de menor porte, são as principais vítimas, representando quase 90% das mortes por atropelamento. Animais de médio porte, como gambás e macacos, cerca de 10%. De maior porte, como as onças, antas e lobos, 5%.

No Congresso, um Projeto de Lei (466/2015) sobre morte de animais nas estradas, que conta também com o apoio da sociedade civil, está tramitando em regime de urgência. Entre outras propostas, o PL prevê a criação de passarelas ou pontes para a travessia dos animais e melhor sinalização nas estradas. Ele já foi aprovado por unanimidade pela Comissão de Transportes da Câmara e agora segue para a Comissão de Meio Ambiente.